Polícia Militar de Minas Gerais

Noticias Policias

separe os e-mails por vírgula

Polícia Militar realiza operação Fênix de combate aos ataques contra os ônibus

15/09/2020

A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) realiza nesta terça-feira (15.09) na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) uma operação de enfrentamento aos ataques/queimas de ônibus. A operação, denominada Fênix, acontecerá em diversos pontos e contará com o apoio de militares do Comando de Policiamento da Capital (CPC), da 2ª Região de Polícia Militar (2ª RPM), da 3ª Região de Polícia Militar (3ª RPM), dos Comandos de Policiamento Especializado (CPE) e de Aviação do Estado (COMAVE) e do serviço de inteligência da Polícia Militar.

Cerca de 80 policiais militares serão empregados em pontos estratégicos na RMBH, como postos de combustíveis, na porta das garagens das empresas e em pontos finais dos coletivos.  O objetivo é proceder a uma fiscalização direcionada, abordagens, identificar suspeitos e quando for o caso, efetuar a prisão.  

De acordo com o chefe da Seção de Comunicação do CPC, major Rafael Coura Cavalcante, a operação vai criar uma malha protetora com a finalidade de impedir essa modalidade criminosa. “O setor de inteligência da PMMG já realizou levantamentos de possíveis autores e com o apoio de outros órgãos que integram o Sistema Integrado de Defesa Social (SIDS) serão expedidos os mandados de prisão”, enfatizou o major.

 

TRADUÇÃO PARA O INGLÊS

Military Police conducts Fênix operation to combat burning of buses.

 
The Military Police of Minas Gerais (PMMG) is carrying out this Tuesday (15/09) in the Metropolitan Region of Belo Horizonte (RMBH) an operation to confront the attempts / burning of buses. An operation, called Fênix, will take place at several points and will have the military support of the Capital Policing Command (CPC), the 2nd Military Police Region (2nd RPM), the 3rd Military Police Region (3rd RPM), the Commandos Specialized Policing (CPE) and State Aviation (COMAVE) and the Military Police intelligence service.
 
Approximately 80 military police officers will be employed at strategic points in the RMBH, such as gas stations, at the door of company garages and at final bus stop. The aim is to carry out targeted surveillance, approaches, identify suspects and, where appropriate, effect arrest.
 
According to the head of the CPC's Communication Section, Major Rafael Coura Cavalcante, the operation will create a protective mesh in order to prevent this criminal modality. "The PMMG intelligence sector has already carried out surveys of possible authors and with the support of other bodies that are part of the Integrated Social Defense System (SIDS), arrest warrants will be issued," emphasized the major.
 

Autor: Subten Deiwson Magal / Tradução: Maurício Félix, 3º Sgt PM