Polícia Militar de Minas Gerais

33º Batalhão de Polícia Militar

Dicas de Segurança


Dicas

Perguntas comuns respondidas pela Polícia Militar.

  • Como me prevenir contra animais peçonhentos?

    1. Sacuda e examine calçados e roupas antes de usá-los.
    2. Mantenha devidamente aparado o gramado antes de deixar as crianças brincarem livremente.
    3. Mantenha limpo os locais próximos a sua residência.
    4. Não coloque mãos e pés em buracos, cupinzeiros, montes de pedras ou lenha.
    5. No campo, use sempre botas e sapatos e observe locais por onde anda.

  • É crime usar cerol?

    Sim, é considerado crime penal capitulado nos artigos 129, 132 e 278 do Código Penal Brasileiro, além do artigo 37 da Lei das Contravenções Penais. Em caso de uso por criança e adolescente poder ser apreendido e encaminhado a autoridade competente. O adulto que também utilizar será conduzido juntamente com o material até a autoridade judiciária, podendo até permanecer preso. Em Minas Gerais, a Lei Estadual nr 14.349/02 de 15/07/02 prevê multa para os infratores, ficando estes também as sanções cíveis e penais.

  • Como me prevenir contra o Estelionato ou Conto do Vigário?

    Suspeite de pessoas que ofereçam prêmios tentadores (bilhetes premiados de loterias, jóias, recompensas, prêmios fáceis, etc);
    Se achar na rua objetos, folhas de cheques, cartões, carteiras, imediatamente solicite apoio da PM para o devido registro.
    Muitos estelionatários se fazem passar por funcionários de empresas como CEMIG, ,COPASA, DMAE e CTBC e outras. Peça sua identificação funcional e antes de deixá-lo entrar, telefone para empresa e pergunte se o funcionário esta prestando serviço oficial. O telefone está na conta de água, luz, telefone,...etc.
    Não compre nada de vendedores ambulantes, mesmo que seja uma oferta tentadora.
    Se necessitar de serviços de jardinagem, solicite um profissional conhecido ou com referências.

  • Como me prevenir de assaltos no banco?

    Evite conversas com estranhos, sobretudo se o assunto for dinheiro. Essas pessoas podem ser ladrões ou observadores de assaltantes aguardando sua distração ou confiança;
    Ao efetuar um depósito ou saque evite a exposição do dinheiro, procure conferi-lo discretamente para não provocar a atenção de estranhos;
    No caso de operação bancária que envolva grandes quantias procure realizá-las utilizando meios opcionais como cartões ou cheques;
    Evite levar crianças. Em de caso de assalto elas ficam assustadas e podem
    deixar os assaltantes agitados e nervosos;
    Procure ser correntista de agências bancárias que tenham adotado portas giratórias e filmadoras pois estes mecanismos diminuem a probabilidade destas agências serem alvo da ação de assaltantes;
    Evite horários de pico. Os assaltos costumam ocorrer entre 10 e 12 horas. Assaltantes preferem agências movimentadas, pois imaginam maior quantidade de dinheiro, além de facilitar a fuga.
    Se tiver dúvidas, só aceite ajuda de funcionários e exija dele a identificação;
    Se for retirar grande quantia em dinheiro, primeiramente agende com o gerente, em data anterior, e ao buscar os valores procure ir acompanhado por parentes ou pessoa de confiança;
    Nunca assine documentos sem antes ler e surgindo dúvidas, procure ajuda;
    Ao sacar dinheiro somente saia do balcão ou caixa eletrônico após conferir e guardá-lo na bolsa ou carteira;
    Adote bolsos na roupa com botões e presilhas;
    Em caso de assalto jamais reaja. Guarde os traços físicos, sinais particulares e roupas dos infratores, repassando as informações à PM

  • Como devo me comportar nas compras?

    Mantenha bolsas, carteiras e sacolas junto ao corpo (à frente);
    Faça compras no horário de menor movimento;
    Ao efetuar o pagamento verifique se não está sendo observado por estranhos;
    Fique atento a tudo que ocorrer ao seu redor;
    Evitar carregar grandes volumes ocupando as duas mãos, pois impedem sua visão e agilidade.

  • Como devo agir para não chamar atenção de bandidos no ponto de ônibus?

    Evite abrir a carteira ou bolsa na presença de estranhos e no interior do ônibus;
    Mantenha o dinheiro da passagem, cartão ou o vale transporte separados;
    Procure alternar o itinerário e horário que realiza diariamente;
    Se possível, procure estar sempre acompanhado de uma pessoa conhecida;
    Evite permanecer em paradas de ônibus pouco movimentados;
    Ao ser encostado ou empurrado fique atento pois pode ter sido furtado.

  • Quais os cuidados que devo tomar ao sair de casa?

    Verifique se o registro de água e gás estão fechados;
    Verifique se cinzeiros, velas e churrasqueiras estão apagados e se o ferro de passar roupas está desligado;
    Cortinas e persianas completamente fechadas, luzes acesas durante o dia e durante toda a noite e caixas de correio cheias de correspondências são indicadores de morador ausente;
    Peça ao seu vizinho para recolher os jornais e as correspondências, e quando houver estranhos ou movimentos suspeitos acionar a PM;
    Pratique a política da boa vizinhança, pois na sua ausência talvez seu vizinho seja a única pessoa presente no momento de um arrombamento ou situação de perigo;
    Evite sair de casa portando grande quantidade de dinheiro e jóias;
    Use cadeados nas portas, janelas e portões, com cuidado para não deixá-los visíveis do lado de fora, significando ausência do morador.

  • Que documentos devo conduzir ao sair de casa?

    Carteira de Identidade;
    CPF: é possível não portá-lo, pois as Carteiras de Identidade já trazem o seu número;
    Título Eleitoral: use durante o período das eleições;
    Se for dirigir, não esqueça da Carteira Nacional de Habilitação e Documentos do veículo: fotocópias autenticadas pelo DETRAN ou CIRETRAN;

  • Como manter a segurança em minha casa?

    Ao atender estranhos, mantenha os portões fechados e tais pessoas inicialmente do lado de fora;
    Na entrada ou saída de pessoas, abra o portão somente após verificar se não há suspeitos por perto;
    O portão deve ser aberto depois de serem identificados o visitante e seus acompanhantes;
    Procure estacionar ou parar o carro na garagem, de ré, para facilitar a sua saída com boa visibilidade e agilidade;
    Crie com os vizinhos o hábito de verificar se está tudo bem, através de contatos telefônicos ou outro procedimento similar;
    Comunique sua ausência a vizinhos de con