Polícia Militar de Minas Gerais

12ª Região de Polícia Militar

62º BPM


62º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR - CARATINGA(MG)
 

HISTÓRICO

 

O 62º BPM tem uma longa história e tradição na região de Caratinga remontando sua fundação nos anos de 1916, na condição de Grupamento PM.

Nos registros históricos, consta a participação da PMMG na cidade por meio de fotografias e livros de historiadores de Caratinga, datando do ano de 1916, em que a edição do Jornal do Povo do Caratinga publicou uma nota informando que o Cabo Francisco Calixto de Moraes assumiu o Comando do Destacamento de Caratinga.

Com o passar dos anos e conforme a cidade e região cresciam, a Polícia Militar aumentava seu efetivo e suas instalações, sendo a Fração PM da cidade subordinada ao 11º Batalhão de Polícia Militar (11º BPM), com Sede em Manhuaçu. Todavia, os registros mais consistentes são os depoimentos de Militares que atuaram na cidade de Caratinga e hoje estão na reforma remunerada.

O Contingente PM inicial, situado na Rua Capitão Paiva, nº 3, bairro Santo Antônio, foi comandado também pelo Subtenente PM Geraldo de Paula Moreira. Em seguida assumiu o Comando o Subtenente PM José Luís Flores, que permaneceu à frente da Fração até 1970 quando, então, a sede do policiamento da cidade mudou-se para a Rua Cel. Antônio Saturnino, nº 540, bairro Esperança, instalando-se, assim, em uma sede própria do Estado e se elevando à categoria de Pelotão da Polícia Militar (Pel PM), subordinado ao 11º BPM, que passou a ser comandado pelo 1º Ten PM Edésio Roberto Raimundo.

Embora elevado à condição de Pelotão, o Comando-Geral já havia aprovado a sua elevação à Companhia de Polícia Militar (Cia PM), contudo, em tese por questões políticas, primeiro se instalou o Pelotão e em seguida elevou-se à Companhia. Dessa forma, o policiamento local permaneceu como Pelotão de 1970 à 1973, tendo como comandantes, além do 1º Ten PM Edésio, o 2º Ten PM Agenor Albuquerque Macedo e o 2º Ten PM Ildo Soares Barbosa, este último, hoje Coronel da Reforma.

Após 1973, foi elevada gradualmente à condição de Companhia, Companhia Especial e Companhia Independente.

Em junho de 2015, a então 22ª Cia PM Ind foi elevada à categoria de Batalhão e passou a ser designado como 62º BPM, por meio da Resolução Nº 4405, que criou na estrutura organizacional da Polícia Militar de Minas Gerais a nova unidade.

 

 

 

 

                   

 

 
Fachada do 62º BPM 
Estandarte do 62º BPM
 
 

RESPONSABILIDADE TERRITORIAL

 

A área de atuação da Unidade abrange 25 municípios, sendo a Sede na cidade de Caratinga. Os municípios são: Bom Jesus do Galho, Caratinga, Conceição de Ipanema, Córrego Novo, Dom Cavati, Entre Folhas, Inhapim, Imbé de Minas, Ipanema, Piedade de Caratinga, Pingo D’água, Pocrane, São Domingos das Dores, São Sebastião do Anta, São João do Oriente, Raul Soares, Santa Barbara do Leste, Santa Rita de Minas, Taparuba, Ubaporanga, Vargem Alegre, Vermelho Novo, Bugre, Iapu e São José do Mantimento.

Atualmente, a estrutura organizacional do 62º BPM conta com 3 Companhias, 8 Pelotões, 19 Destacamentos e 1 Subdestacamento. A unidade é subordinada à 12ª Região de Polícia Militar. O 62ª Batalhão é conhecido como “Guardião das Palmeiras”, conforme Lei Municipal nº 3.231/2011, como forma de valorizar a referência dada à cidade de Caratinga, que é conhecida como “Cidade das Palmeiras”.

  

 

COMANDO

O atual Comandante do 62º Batalhão de Polícia Militar é o Tenente-Coronel PM Luciano Correia Reis. Contatos podem ser mantidos com ele através do fone: (33) 3321-2302.